André Greipel foi o grande vencedor da quinta etapa da Volta a França. O alemão da Lotto Soudal foi o mais forte na tirada desta quarta-feira que ligou Arras a Amiens ao longo de 189.5 quilómetros.
Com um percurso essencial plano, o dia era o ideal para os sprinters brilharem mas o tempo não ajudou e a chuva acabou por resultar numa mão cheia de quedas…não só entre o pelotão e que envolveram entre outros Bryan Coquard ou Rafal Majka mas até um polícia motard.
Mas o mais afetado do dia foi o francês Nacer Bouhanni (Cofidis) que abandonou a prova na sequência de uma queda 12 quilómetros depois da partida sendo retirado do local de ambulância.
Ciclismo
Camisolas arco-íris em jogo nos Campeonatos do Mundo de Ciclismo de Estrada
17/09/2021 AT 12:18
Pelo meio Mark Cavendish teve um problema mecânico e pelo meio também o único fugitivo do dia acabou apanhado.
A pouco mais de 20 quilómetros para o final nova queda: desta vez a envolver quase 20 ciclistas entre eles o francês Thibault Pinot. Ainda assim pode continuar ao contrário do compatriota Bouhanni.
O final prometia uma luta intensa ao sprint pela vitória e foi isso mesmo que acabou por acontecer. André Greipel esperou pelo momento certo para atacar e, mesmo tendo alguns rivais fortes por perto, como foram o caso de Peter Sagan, Mark Cavendish ou Alexander Kristoff, impôs-se com categoria.

TDF: Crash 25km

Image credit: Eurosport

Esta foi a segunda vitória do alemão nesta edição do Tour depois da conquista da segunda etapa.
“Acho que a minha exibição de ontem não foi das melhores, mas hoje estivemos concentrados. Não me senti muito bem durante a etapa mas a equipa esteve sempre em comunicação comigo e conseguiu colocar-me no sítio certo e eu tive a força para finalizar e ganhar”, revelou André Greipel acrescentando “A 300 metros da meta pensei que o sprint estava acabado e que eu estava fechado. Mas consegui sair e finalizar. Estou agradecido.
Greipel igualou os oito triunfos do compatriota Marcel Kittel na prova francesa. Tony Martin continua a vestir a camisola amarela.
Eis o top-10 da etapa
1. Andre Greipel (Germany / Lotto) 4:39:00"
2. Peter Sagan (Slovakia / Tinkoff - Saxo) m.t.
3. Mark Cavendish (Britain / Etixx - Quick-Step)
4. Alexander Kristoff (Norway / Katusha)
5. Edvald Boasson Hagen (Norway / Team MTN)
6. John Degenkolb (Germany / Giant)
7. Arnaud Demare (France / FDJ)
8. Bryan Coquard (France / Europcar)
Classificação geral
Na geral continua tudo na mesma, com Tony Martin a vestir a camisola amarela, 12 segundos à frente de Chris Froome e 25 segundos à frente de Tejay Van Garderen. Rui Costa continua a ser o melhor português em prova. É 25.º na geral a 4m10s do líder.
1. Tony Martin (Germany / Etixx - Quick-Step) 17:19:26"
2. Chris Froome (Britain / Team Sky) +12"
3. Tejay van Garderen (U.S. / BMC Racing) +25"
4. Peter Sagan (Slovakia / Tinkoff - Saxo) +33"
5. Tony Gallopin (France / Lotto) +35"
6. Greg Van Avermaet (Belgium / BMC Racing) +40"
7. Rigoberto Uran (Colombia / Etixx - Quick-Step) +46"
8. Alberto Contador (Spain / Tinkoff - Saxo) +48"
9. Geraint Thomas (Britain / Team Sky) +1:15"
Ciclismo
Começa uma nova época do PGA Tour para seguir no Eurosport
15/09/2021 AT 17:13
Ciclismo
Volta ao Luxemburgo com João Almeida abre semana de muito ciclismo no Eurosport
14/09/2021 AT 11:04