Espera-se, como sempre, uma atmosfera única no vale Ötztal do Tirol austríaco, com a competição a celebrar este ano o seu 50º aniversário.
Para ajudar à festa, este ano os campeões em título são ambos austríacos: Marcel Hirscher e Anna Fenninger.
No ano passado Hirscher dominou o Slalom Gigante (SG) no sector masculino com cinco vitórias em oito provas. Foi, inclusive, o único esquiador a vencer mais de uma prova e levou para casa o globo de cristal com uma vantagem superior a 100 pontos. Este ano, porém, não será fácil para o austríaco repetir a proeza. Ted Ligety, que teve a sua época passada comprometida devido a uma lesão na mão, está totalmente recuperado e pronto para lutar pelo globo da disciplina que venceu em 2008, 2010, 2011, 2013 e 2014. Alexis Pinturault e Felix Neureuther bem como Henrik Kristoffersen são outros dos principais candidatos à vitória.
Esqui Alpino
Há vida para lá de Hirscher e Vonn... Começa mais uma edição da Taça do Mundo de Esqui Alpino
23/10/2019 AT 10:01
No sector feminino há bastantes baixas a assinalar esta temporada: Dominique Gisin, campeã olimpica do downhill, colocou um ponto final na carreira a época passada assim como Nicole Hosp. Já a campeonissima eslovena Tina Maze, vencedora de duas medalhas de ouro nos Jogos Olimpicos de 2014 e nos Mundiais de 2015, vai ficar de fora esta temporada e poderá, inclusive, não mais regressar à competição.

Anna Fenninger fühlt sich hintergangen

Image credit: SID

A época passada a Anna Fenninger venceu, a par de Mikaela Shiffrin, a prova inaugural em Söelden que abriu caminho para a conquista do globo de cristal da disciplina (quatro vitórias em sete provas) Este ano, porém, o azar bateu à porta da austriaca de 26 anos que sofreu uma queda esta quarta-feira durante os treinos e está hospitalizada com uma lesão no joelho direito (ruptura total de ligamentos). Face à ausência, prevísivel, de Fenninger Eva Maria Brem é uma das favoritas a vencer em Sölden a par de Mikaela Shiffrin, Lara Gut e Viktoria Rebensburg.
A norte-americana Lindsey Vonn, de 31 anos, que no passado mês de Agosto fracturou o tornozelo, está pronta para o incio da temporada mas a sua presença em Sölden está ainda em duvida.
Três semanas após Sölden, o Eurosport viajará até à Finlândia para o segundo evento do ano, antes de rumar aos EUA para cobrir a semana de eventos FIS desde Lake Louise até Beaver Creek.
Esqui Alpino
Todos os caminhos vão dar a Åre
05/02/2019 AT 16:28
Esqui Alpino
Lenda do Esqui Alpino Bode Miller é reforço do Eurosport para os Campeonatos do Mundo
23/01/2019 AT 17:40