Para a edição 2016 do GP chinês o Campeão do Mundo em título, que venceu aqui em 2014 e 2015 e autor da ‘pole position’ nas duas primeiras provas desta temporada, terá como principal desafio traduzir em corrida a superioridade até aqui demonstrada na qualificação de modo a contrariar a ‘boa forma’ do seu colega de equipa Nico Rosberg, vencedor tanto na Austrália como no Bahrein (somando já 5 vitórias consecutivas na F1, depois de ter ganho também as 3 últimas provas de 2015) e assim líder na classificação do Mundial de Pilotos (com 50 pontos), que lidera à frente de Hamilton (33 pontos) e do australiano Daniel Ricciardo da Red Bull Racing (24).
A outra grande incógnita antecipada para este terceiro Grande Prémio do Mundial 2016 reside em saber se o alemão Sebastian Vettel (Scuderia Ferrari) irá conseguir voltar a rivalizar em pista – tal como fez na ronda inaugural, em Melbourne, onde liderou grande parte da corrida – com os dois Mercedes.
Para o GP da China, a primeira grande novidade – para satisfação de todos, incluindo equipas, pilotos e espetadores – é o regresso do antigo formato de qualificação, depois da experiência mal sucedida adotada nas duas provas que abriram a temporada, prometendo desde logo mais emoção e espetáculo.
Fórmula 1
Rosberg ou Hamilton? Título de Fórmula 1® discutido até à última volta
21/11/2016 AT 14:17
Filipe Albuquerque (ex-piloto de testes da equipa Red Bull F1; piloto oficial Audi no WEC) vaticina que “Rosberg e Hamilton vão lutar novamente pela pole position, mas para a corrida acho que a Ferrari tem uma palavra a dizer, temos só de ver qual é a situação do Vettel, se vai ou não ter de trocar de motor, se vai ou não arrancar cá mais para trás. Acho que vai ser muito interessante a luta pela vitória na China. Xangai é uma pista bastante parecida à do Bahrein, com uma reta grande e depois um miolo muito encadeado, embora o asfalto seja completamente diferente”.
Nos comentários Eurosport, o especialista convidado será António Félix da Costa, o último piloto português a guiar um carro de Fórmula 1, oferecendo uma perspetiva exclusiva sobre os bastidores da F1 e juntando-se assim aos habituais comentadores Eurosport, Pedro Nascimento e João Carlos Costa.
GP F1 DA CHINA – COBERTURA EUROSPORT 2:
Sexta 15 abril
- 2:00 Resumo GP Bahrain
- 3:00 1.º Treino Livre
- 7:00 2.º Treino Livre
Sábado 16 abril
- 4:45 3.º Treino Livre
- 7:45 Qualificação
Domingo 17 abril
- 6:30 Grelha de Partida
- 7:00 Corrida
Segunda-feira 18 Abril
- 18:00 Resumo GP China
Fórmula 1
Rosberg pode ser campeão no Brasil
09/11/2016 AT 14:55
Fórmula 1
Rosberg pode ser campeão no México
25/10/2016 AT 15:55