Os favoritos Novak Djokovic e Rafael Nadal não defraudaram e garantiram a presença nas meias-finais do ATP 250 de Doha.
Djokovic, líder do ranking mundial, não teve grandes problemas diante do argentino Leonardo Mayer, 8.º cabeça de série no torneio.
O sérvio impôs-se com parciais de 6-3 e 7-5, conquistando sua terceira vitória na temporada. Também em Doha, passou pelo alemão Dustin Brown e pelo espanhol Fernando Verdasco.
Ténis
Eurosport garante Open da Austrália em exclusivo para os próximos dez anos
08/09/2021 AT 21:27

Nadal en Doha.

Image credit: Le Buzz

Nas meias-finais, Novak Djokovic enfrenta o checo Tomas Berdych, 3º favorito, que eliminou o britânico Kyle Edmund, oriundo do qualifying, por 6-3 e 6-2.
Já Rafael Nadal teve um dia mais complicado. O espanhol precisou de 2h08m para ultrapassar o russo Andrey Kuznetsov por 6-3, 5-7 e 6-4 rumo às meias-finais.
No seu terceiro encontro em dias consecutivos, o espanhol voltou a não estar ao seu melhor nível e permitiu quatro breaks ao rival russo.
Kuznetzov, numero 79 do ranking, fez as despesas do encontro totalizando 40 winners e 38 erros não forçados. Conseguiu forçar um terceiro set mas, na recta final, sofreu um “break” que se revelou fatal. Agora joga com o ucraniano Illya Marchenko que bateu o francês Jeremy Chardy por 6-3 e 7-6.
Ténis
US Open é a última barreira ao sonho de Djokovic
25/08/2021 AT 16:15
Ténis
Discovery renova por cinco anos com Roland-Garros
11/06/2021 AT 20:08