Pela primeira vez desde o início do torneio a número um mundial conseguiu uma exibição autoritária na terra batida parisiense. Precisou de apenas uma hora e 5 minutos para bater a italiana Sara Errani por expressivos 6-1 e 6-3. Serena apresentou-se mais forte que a adversária em todas as frentes concretizando um total de 10 ases e 39 winners ao passo que Errani, 17ª cabeça de serie em Paris, concedeu um total de 5 breaks.
Foi a nona vitória consecutiva da norte-americana frente a Errani que desta forma mantém o registo 100% vitorioso nos duelos com a italiana.
Aos 33 anos Serena Williams está mais perto da conquista do 20º titulo do Grand Slam. A mais nova das irmãs Williams já venceu Roland Garros por duas ocasiões, em 2002 e 2013, e no próximo sábado poderá voltar a erguer o trofeu no court Phillip Chatrier.
Ténis
Eurosport garante Open da Austrália em exclusivo para os próximos dez anos
08/09/2021 AT 21:27
“É incrível! A minha temporada de terra batida não foi grande coisa por isso estou muito entusiasmada por ter chegado até aqui. Espero continuar e seguir em frente. Mas nada é garantido. Neste momento estou apenas a lutar para me manter no torneio”, disse Serena
Timea Bacsinszky é a adversária que se segue no caminho de Serena Williams. A suíça, 23ª pré-designada, levou de vencida a belga Alison Van Uytvanck por 6-4 e 7-5 e assegurou o apuramento inédito para as meias-finais de um torneio do Grand Slam.

Timea Bacsinszky à Roland-Garros - 2015

Image credit: Panoramic

Naquele que foi o primeiro duelo entre ambas, Bacsinszky entrou mais forte: fez o break de entrada colocando a adversária desde logo sob pressão. Mais agressiva e controlando os pontos com a sua direita a suíça fechou o parcial a seu favor em apenas 39 minutos. No segundo set assistiu-se a um maior equilíbrio de forças com Van Uytvanck a dar melhor réplica. A belga de 21 anos subiu mais vezes à rede e correu mais riscos mas nem por isso conseguiu evitar a derrota.
“Consegui manter o sangue frio e elevar o meu nível de jogo. Mantive-me lucida nos momentos chave do encontro”, disse Bacsinszky
Aos 25 anos Timea Bacsinszky vai discutir a primeira meia-final de um torneio do Grand Slam e não podia ter uma estreia mais memorável: vai defrontar a número um mundial Serena Williams.
Ténis
US Open é a última barreira ao sonho de Djokovic
25/08/2021 AT 16:15
Ténis
Discovery renova por cinco anos com Roland-Garros
11/06/2021 AT 20:08